Novo status da febre aftosa diminui número de bovinos na ExpoLondrina 2020

A expectativa da entidade é ultrapassar a movimentação financeira do ano passado, que ficou na casa dos R$ 615 milhões

Os diretores da Sociedade Rural do Paraná (SRP), entidade organizadora da ExpoLondrina, receberam hoje (12) a imprensa para dar mais detalhes sobre a 60ª edição do evento. A expectativa da entidade é ultrapassar a movimentação financeira do ano passado, que ficou na casa dos R$ 615 milhões. Em 2019, o público que visitou o Ney Braga foi de 464 mil pessoas. Diversas atrações foram confirmadas e uma das principais é o Fórum do Agronegócio, que este ano traz o tema “Infraestrutura de Telecomunicação no Campo”.

Mas uma das mudanças importantes na feira é a movimentação menor de bovinos no parque. Com o Paraná em plena mudança do status de área livre de febre aftosa sem vacinação, existe uma dificuldade maior para receber animais de outros estados que ainda realizam a vacinação. As fronteiras estão mais rigorosas.